Alimentação saudável x Quarentena

 

A Federação Baiana de Judô (Febaju) está com você nessa quarentena e para estarmos cada vez mais próximos, buscaremos profissionais de diversas áreas, levando para sua casa conteúdo e informação.

 

Uma boa alimentação deve ser adotada por todos nós, pensando em resultados a médio e longo prazo. Vamos lá?!

Os alimentos não garantem a cura para o novo Coronavírus, mas manter uma boa imunidade é essencial. Sendo assim, a nutricionista esportiva e funcional Janaína França esclarece algumas dúvidas e dá dicas de uma boa alimentação para esse período de isolamento social.

 

*Alimentação saudável x Quarentena*

Febaju – Nesse período de isolamento social estamos acompanhando diversos profissionais de Educação Física com sugestões de treinos em casa. E na questão da alimentação, quais são alimentos que não podem faltar para equilibrar ou aumentar a imunidade?

Janaína França – Diante desse quadro de Pandemia não podemos esquecer de cuidar da nossa imunidade ( capacidade do organismo de se defender dos vírus, fungos ou bactérias). É importante entendermos que o desequilíbrio desta, faz com que o tão temido Covid-19 ganhe mais força, seja na situação do vírus já instalado em nosso organismo, assim como também na recuperação após o contágio e é claro, para a prevenção.

Vamos reforçar o nosso sistema imunológico também com alguns alimentos? Quais são eles?

  1. Os vegetais verdes escuros: couve, brócolis, espinafre, pimentão, agrião.
  2. Alimentos quem possuem o poder anti-inflamatório e anti-microbiana como a cúrmuma, alho, limão, gengibre.
  3. Frutas e legumes avermelhados (fontes de vitamina C, antocianinas e licopeno, com propriedades antioxidantes, cardioprotetoras) : morango, amora, cereja, berrys, goiaba, tomate
  4. Alimentos fonte de ômega 3: linhaça, salmão, azeite.
  5. Alimentos ricos em zinco (nutriente que combate as gripes e outras doenças do sistema imunológico): cereais integrais, sementes e leguminosas (feijão, lentilha, grão de bico, ervilha), oleaginosas (castanha do pará, nozes, castanha de caju, amêndoas).

Febaju- Os atletas de alto rendimento têm uma rotina de treinamentos e uma alimentação saudável, fatores determinantes para o bom desempenho como judoísta. De que forma a alimentação balanceada contribui para evitar lesões musculares nessa quarentena?

Janaína França – Nós sabemos que uma alimentação equilibrada vai ajudar o atleta a ter uma boa performance, logo, essa alimentação saudável ajudará na recuperação muscular e dará mais energia na hora do treino e competição. Lembrando sempre da importância de termos em nossa alimentação uma quantidade balanceada de proteínas, carboidratos e gorduras boas. Os alimentos com o poder anti-inflamatórios e antioxidantes são excelentes para a prevenção das lesões, para diminuir as inflamações. Alguns deles são: as frutas vermelhas, aipo (salsão), mirtilo, óleo de peixe, folhas verdes, chia, linhaça, cúrcuma, gengibre, abóbora, azeite extra virgem, abacate, chocolate meio amargo (acima de 70% de cacau na composição), alho, nozes e amêndoas.

Destaco ainda que, os atletas assim como qualquer ser humano, devem evitar os alimentos inflamatórios: as frituras, alimentos industrializados, enlatados, embutidos , açúcar, refrigerantes.

Descasque mais desembale menos.

 

Febaju – Você tem alguma sugestão de shot da imunidade?

Janaína França – Recomendo um shot matinal que deve ser feito todos os dias, em jejum e a noite ingerir 100 ml de água com 15 gotas de própolis, que auxiliará para uma boa noite de sono.

– 1 limão espremido

– 15 gotas de extrato de propólis ( do verde)

– gengibre ralado ( a gosto)

– 1 colher de chá rasa de açafrão (cúrcuma) em pó

– 100 ml de água

 

Febaju – A mudança de rotina vem preocupando muito os atletas, afinal de contas o desempenho no tatame depende dos treinos e da boa alimentação. O que fazer para não sair da linha nessa quarentena?

Janaína França – Aproveite esse momento para se recolher, refletir, incluir bons hábitos alimentares, melhorar seu estilo de vida, cuidar do corpo, mente e espírito;

Preocupe-se em ter um sono regular, pois esse descanso envolve a produção hormonal que influencia a sua imunidade;

Estabeleça um horário diário para se exercitar e faça disso uma prática rotineira;

Foque em fortalecer a sua saúde, aumentando o consumo dos alimentos antioxidantes, anti-inflamatórios, incluindo, se puder, o consumo dos chás antioxidantes (ex: chá verde, hibisco, gengibre, cúrcuma, romã, canela).

Hidrate-se durante o dia todo e evite o consumo de álcool, tabaco e drogas!

 

A Febaju pede para que você siga as medidas de proteção da Organização Mundial de Saúde (OMS): lave as mãos frequentemente, evite aglomerações e muito contato pessoal, proteja boca e nariz ao espirrar/tossir, evite tocar nos olhos, nariz e boca, não compartilhe objetos pessoais e busque ajuda médica se necessário. Fique em casa!!

 

Se você gostou da nossa entrevista e quiser entrar em contato com a nutricionista Janaína França siga o IG @nutri_janafranca e acompanhe várias dicas para uma alimentação saudável.

 

Thaís Brandão
Assessoria de Comunicação da Federação Baiana de Judô (FEBAJU)
Site: www.febaju.com.br
Contato: ascom@febaju.com.br
Telefone: (71) 99303-0141 / 98340-6520